6.1.13

agora estava capaz de ir fazer uma visita ao mar, estou com vontade de ir sentar-me numa rocha do esporão e contar ao mar como tenho andado e o que tenho sentido em relação a tudo. queria sentir a maresia na  minha cara e pelo menos sei que o mar não me iria deixar com mais duvidas e que não me diria o que fazer. talvez um dia o mar me intenda já que nem eu, nem ninguém, o consegue fazer. tenho tanto medo para partilhar com o mar, tantas inseguranças. tenho de lhe perguntar o que é que ele achou sobre o meu amigo, pois eu não faço ideia de que amizade seja esta e o que eu mais quero é descobrir. questiono-me milhares de vezes o que é que esse meu amigo vê em mim e estas questões são todas em vão.
sei que o que preciso é de tempo, eu sei, mas o meu medo por me voltar a iludir com alguém é enorme e deixar que alguém entre de novo na minha vida é difícil. o fato desse meu amigo me dar a entender ser boa pessoa só me faz ter ainda mais medo pois a desilusão torna-se maior. 


10 comentários:

Rose Baelfire disse...

Adorei o post, mas adorei o teu blog em especial! É mágico, e na tua escrita sinto acima de tudo sinceridade.

Beijinhos

Rose Baelfire disse...

Muito obrigada querida wendy. Estou apenas ainda muito no inicio, espero conseguir evoluir e melhorar.
Beijinhos

Rose Baelfire disse...

Não, já tive mas foi à muito tempo e decidi recomeçar :)

sophie disse...

obrigada mesmo :)

claire disse...

adorei!! e esta musica é linda

Tiz disse...

Sabes, eu tenho a certeza que o mar te daria as certezas que precisas, porque comigo também é assim.
Tenho a certeza que esse teu amigo te acha uma pessoa fantástica, quem não acha?
Tu tens muito valor, só tu é que não vês isso. És um princesa e deves deixar que te tratem como tal. sê querida, deixa-te levar, mas acima de tudo mantem os pés na terra, porque são eles que sustentam o teu peso quando o teu corpo fracassa :)

Tiz disse...

Eu já passei por isso e ainda hoje ouço aquele alguém especial dizer-me que por vezes sou seca.. ele, melhor do que ninguém, sabe o porque. Sabe os medos, não todos, mas vai-se apercebendo das coisas e compreende :)
explica-te, tenho a certeza que as tuas palavras vão cair no ouvidos da compreensão!

amar-gura disse...

bem verdade tudo o que disseste tal como tentei transmitir no meu texto, obrigada por seguires (: também gostei muito do teu blog e sigo-te*

Pat disse...

obrigada querida! adorei o texto :)

Agostinho Barros disse...

obrigado pelo apoio , é bom saber que algumas pessoas se preocupam realmente connosco **--**, virei cá mais vezes *

http://youleave-me-breathless.blogspot.pt/