1.12.12


estava a esfolhear a minha agenda do ano letivo passado, aquela que se tornou praticamente num diário.. lá eu consigo sentir a confusão que ia na minha cabeça. com tudo aquilo que antes escrevia eu consigo ver que a pessoa querida que eu era desapareceu. as desilusões foram muitas..
pensei que ia passar numas provas, elas tinham me corrido mesmo bem e no entanto fiquei mal e só passou uma colega minha a bel. eu escrevi com tanto amor que a adorava, a ela, ao desporto que pratico, a todas as minhas colegas. elas eram, no fundo, as minhas melhores amigas. mas a minha melhor amiga era a jane.
o meu namorado deixou-me porque se fartou de mim e eu tinha saudades dele, mas isso não é tudo que tenho a dizer sobre ele e dizer que a jane era a minha melhor amiga também não. o meu namorado acabou comigo, tal como disse, e começou a falar com a jane até que ela se deixou levar com tudo o que ele lhe dizia, até que as hormonas dela desataram aos saltos e ela acabasse agarrada a ele no meio de um pinhal qualquer. ela foi a desilusão da minha vida, pelo menos a primeira de todas e a maior de todas até hoje.. as minhas irmãs, minhas melhores amigas e colegas ouviram-me e ajudaram-me a ultra-passar isso e até mesmo ele o rapaz que causou isso me ajudou. ele acabou por se tornar num melhor amigo com todas as desculpas que deviam ter sido imperdoáveis). eu e ele voltamos mais felizes do que nunca mas voltamos a acabar e ele voltou a atacar, dessa vez com a bel que era basicamente a minha melhor amiga naquela altura.
tudo isto me mudou e eu acabei sozinha fazendo uma vida de novo. ainda mantendo o contacto com a jane, que é raro. ainda praticando o mesmo desporto com as mesmas colegas, todas estas que perderam o valor que tinha excepto a rosinha que é uma pessoa excelente, todas as outras deixaram de ser o que eram e eu nem tenho coragem para ser aquilo que era com elas. é com estes pequenos medos que eu vejo que mudei. perdi o amor, perdi a confiança, perdi tudo e agora estou pronta para vendar os olhos sobre assunto e voltar a seguir em frente, tal como tenho feito. chegou a hora de fechar a agenda e voltar a guarda-la.


8 comentários:

Miguel disse...

isso parece ser mesmo muito mau...
ainda por cima, tudo à volta da mesma situação.

paula. disse...

também fico sempre assim quando regresso ao passado.. até que fiz uma promessa comigo mesma, enquanto ele não estiver totalmente resolvido na minha cabeça não abrirei as recordações físicas, mas quando estará?

beijinhos querida*

sophie disse...

gostei muito :)

wendy disse...

paula: nao consegui entrar no teu blog, e quanto ás promessas começo a achar que elas existem apenas pra ser quebradas..

Aurora disse...

sou como tu <3

Aurora disse...

Com o que escreveste ali em cima <3

Aurora disse...

ainda bem que me entendes. mas ama-te princesa <3

Aurora disse...

sim, obrigad:)